SÃO MARTINHO - SC

MARÇO  2010



ROTEIRO: GRAVATAL  À  SÃO MARTINHO


TRANSPORTE: Micro -ônibus de agência de viagem. Saindo das Termas do Gravatal, segue-se pela SC 438, até a sede do município de Gravatal, e a esquerda toma-se a SC 431, passando pela Cidade de Armazém e depois chega-se a Cidade de São Martinho.

GASTRONOMIA: Visitamos e compramos delicias da colônia(biscoitos,geleias,etc) no Fluss Hauss no Distrito de Várzea do Cedro.

TURISMO: São Martinho, um município com pouco mais de 3.000 habitantes. é procurado pelos turistas por suas trilhas e cachoeiras, além de possuir um conjunto arquitetônico da colonização alemã (casas em estilo enxaimel), principalmente no interior do município.
Sabe aquelas fotos ou filmes em que você vê uma estradinha e um córrego ao largo da mesma com peixes e tartarugas, além da água limpa escorrendo, pois  é isso que você vai encontrar no trajeto de São Martinho até o Distrito de Várzea do Cedro.

ORIGEM DO NOME DA CIDADE: O nome São Martinho foi dado pelos imigrantes alemães , por ser o santo padroeiro de várias comunidades germânicas.

LOCALIZAÇÃO: Município brasileiro localizado no Estado de Santa Catarina, mais precisamente ao Sul, distante 115 km de Florianópolis, Capital do Estado e a 372 km de Porto Alegre.

POPULAÇÃO: 3.209 habitantes (IBGE 2016). Gentílico: são-martinhense (conforme IBGE), são martinense conforme wikipédia  e https://www.estadosecapitaisdobrasil.com




Loja da Fábrica Kleiner Schein (móveis e decoração cortados a laser). Foto: Luciana F. 






Vargem do Cedro é um Distrito do Município de São Martinho, distante a 17 quilômetros da sede municipal, por uma estrada de terra e que margeia um córrego com pedras e tartarugas ( aqueles arroios cristalinos que da vontade de molhar os pés). Algo que nos remete a lembrança dos vales europeus. Chegando a Vila, encontramos a Igreja, um típico armazém antigo e a Fluss Hauss, que signinifica casa do rio (café colonial, venda de biscoitos artesanais, um rio que corta a propriedade e um moinho, etc...). É uma vila típica alemã e conhecida por sua religiosidade de onde saíram vários sacerdotes. 


Casa e Café Colonial Fluss Hauss: (http://www.flusshaus.com.br):


















Nenhum comentário:

Postar um comentário